menu
Partilhar

O que é o Ramadã

 
Por Juliana Ribeiro. 30 abril 2022
O que é o Ramadã

O Ramadã é um dos pilares básicos da religião islâmica que os muçulmanos de todo o mundo observam fielmente. Este 2022 começa no sábado, 2 de abril, embora sua data mude todos os anos, pois depende, em grande parte, do ciclo lunar.

O mês do Ramadã é um período do ano muito especial para milhões de pessoas, que seguem rigorosamente as orientações que este ato de fé implica, que está ligado às mais profundas tradições muçulmanas. Se você quer saber o que é o Ramadã exatamente, neste artigo do umCOMO vamos dizer qual é o significado deste mês de jejum e as orientações que os crentes em Alá e seu profeta Maomé seguem durante esses dias.

O que é o Ramadã

O Ramadã não é apenas um mês de jejum para os muçulmanos. É um período de máxima espiritualidade em que a reflexão, a oração e o sacrifício que a renúncia aos alimentos implica são o caminho para renovar a própria fé e aproximar-se de Deus. Além disso, é uma época do ano que também implica alegria e celebração, pois é o momento de fortalecer os laços de união com a família, amigos e comunidade islâmica.

A palavra Ramadã deriva de 'ramada', que em árabe significa 'queimar' e, neste sentido, o significado profundo do mês sagrado implica a purificação da alma, a 'queima' ou renúncia ao pecado e tudo o que não é de acordo com os ensinamentos do Alcorão.

Juntamente com a profissão de fé, a oração, o azaque (doar parte da riqueza aos mais necessitados) e a peregrinação única na vida a Meca, o Ramadã forma os cinco pilares do Islã, obrigatórios para qualquer muçulmano e que poderia ser comparado ao que seriam os mandamentos da religião católica.

Mês do Ramadã

O Ramadã coincide com o nono mês do calendário islâmico, que varia de acordo com o ciclo da lua, e a cada ano avança alguns dias, por isso não há uma data exata e o período de jejum e reflexão pode ocorrer em qualquer mês do calendário ocidental, seja inverno ou verão. E quanto tempo o dura o Ramadã? O período de duração é de 1 mês.

Segundo os ensinamentos islâmicos, a data coincide e comemora o momento em que o profeta Maomé recebeu de Deus Alá a revelação de sua palavra por meio do arcanjo Gabriel, palavra que o Alcorão recolhe como guia para que os homens vivam na fé.

O que é o Ramadã - O que é o Ramadã

Como funciona o Ramadã

Agora que você sabe o que é o Ramadã, deve ter em mente que o jejum, como símbolo de renúncia e sacrifício por amor a Alá, é a base do Ramadã. Este jejum implica não só deixar de comer e beber, mas também não fazer sexo, fumar ou ter qualquer comportamento que não esteja de acordo com esta fase de reflexão, como dizer palavrões ou ter maus pensamentos, entre outras proibições do Ramadã.

Jejum no Ramadã

O jejum rigoroso é uma das principais proibições que caracterizam o Ramadã. Isso supõe nem ingerir água, deve começar ao amanhecer e só terminar ao pôr do sol, quando escurece. Antes de começar o dia há que consumir alguma coisa e também no fim do jejum diário.

Ambos os momentos devem ser acompanhados por alguns minutos dedicados à oração. Nos dias de jejum, ler e recitar o Alcorão também é uma prática indispensável para que a oração interceda pelos crentes diante de Alá.

A comunidade no Ramadã

Após o jejum diário, é hora de compartilhar com a família, recarregar as energias e se preparar para o dia seguinte. Durante o Ramadã, a Noite do Destino ou Decreto (Lailat el Qadr) é especialmente importante, porque comemora a noite em que Maomé recebeu os versos sagrados do Alcorão.

Geralmente são cerca de 10 dias antes do fim do Ramadã, quando o período de jejum está chegando ao fim e o esforço e a oração devem ser aumentados para agradar a Deus e obter seu perdão.

Fim do Ramadã

Uma grande celebração, o Eid-al Fitr, encerra o jejum. É um feriado muito especial para os muçulmanos, que compartilham sua alegria por terem cumprido o mandato de Alá, não apenas com sua própria família, mas com toda a comunidade. Comidas e doces tradicionais, visitas a amigos e parentes, presentes para crianças, orações comunitárias nas mesquitas... uma grande festa que costuma durar três dias.

Idade para começar o Ramadã

Qualquer muçulmano que passou da puberdade deve fazer o Ramadã. Tendo em conta este princípio, não existe uma idade exata em que comece a ser cumprido, embora seja geralmente por volta dos 13-14 anos.

Além disso, o Islã admite exceções por motivos de saúde ou por certas circunstâncias. Os idosos, para quem o jejum pode ser prejudicial, mulheres grávidas, menstruadas ou em quarentena porque acabaram de ter um filho, estão isentos da abstinência de alimentos que o Ramadã implica.

O mesmo acontece com as pessoas que sofrem de uma doença grave ou crônica, em que o jejum implicaria uma deterioração ainda maior do seu estado de saúde. Em alguns casos, também podem ser isentos os muçulmanos que não cumprirem o preceito devido à viagem.

Se você gosta de conhecer outras culturas, vale a pena ler o nosso artigo sobre o que é apropriação cultural.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é o Ramadã, recomendamos que entre na nossa categoria de Festas e Celebrações.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
O que é o Ramadã
1 de 2
O que é o Ramadã

Voltar ao topo da página